Novas postagens

Produção

Cineasta Rozilda Amorim trabalhando na pré-produção do filme.












Diretora do filme Rozilda Amorim e publicitária Amanda Araújo fazendo roteiro para iniciar o filme.



























                                                    Seleção de objetos e cenário para o filme



































Produção do cenário (casamento) foi gravado em uma linda fazenda.



















Pedro Boi compondo a trilha sonora para o filme

Violonista, compositor, cantor e pesquisador de fatos verídicos de sua região, no norte das Minas Gerais, relacionado à luta pela terra, a guerra entre grileiros e posseiros, Pedro Boi transforma tudo isso em música, além das letras românticas, caipiras, o jeito simples de ser e dizer o que pensa. Esse mineiro é um dos artistas brasileiros que luta pela música da terra.
Pedro Boi nasceu num 29 de junho. Pedro Raimundo dos Reis, o Pedro Boi é da cidade de Ibiracatu e foi para Montes Claros com sete anos de idade. Ele conta que seu primeiro instrumento foi a sanfona que ganhou de presente do pai. O primeiro cachê já recebeu com 11 anos de idade, quando tocou em uma festa de quadrilha. Começou fazendo músicas para "tentar conquistar as menininhas". E como as conquistas apareceram: foram muitas as namoradas. As canções, às vezes, eram as mesmas. Mudava-se apenas os nomes das garotas.
Fonte: http://www.letras.com.br/biografia/pedro-boi

















3 comentários:

  1. Parabéns Rosilda por este lindo trabalho.

    Gláucilene

    ResponderExcluir
  2. Parabéns, ficou perfeito o filmee!!

    ResponderExcluir
  3. Nossaaaaaaaaa o filme ficou show. Valeuuuuuuuuuuu

    ResponderExcluir